Início » Vendo Unicórnios – As Principais Startups Brasileiras de Tecnologia
Dicas Valiosas Geral

Vendo Unicórnios – As Principais Startups Brasileiras de Tecnologia

Revista Bem Estar
[ad_1]

Investimento em tecnologia e inovação rende altos dividendos e centenas de startups

brasileiras já sabem disso. Ano passado, o Brasil se encontrava na 57ª posição no Índice

Global de Inovação. Neste ranking, que inclui 131 países, o Brasil vem melhorando

consistentemente. Mesmo assim, a atual posição não é compatível com o potencial da 9ª

maior economia do mundo. Conheça as startups que estão ajudando a virar esse placar.

Uma Startup Para Cada Público

O Brasil tem se mostrado um solo cada vez mais fértil para tech startups dos mais variados

tipos. De acordo com a Associação Brasileira de Startups, o número de startups subiu

207%, entre 2015 e 2019. Atualmente, já são mais de 14 mil startups espalhadas por 710

cidades e 78 comunidades.

Os nichos mais buscados pelas novas empresas são comércio, finanças e saúde, embora o

setor de jogos eletrônicos venha fazendo avanços significativos. A desenvolvedora de jogos

brasileira Wildlife, foi recentemente avaliada em USD 1,3 bilhão. Para fins de comparação, a

Aristocrat Leisure Ltd. comprou a gigante dos caça niqueis, Playtech Plc, por USD 3,7

bilhões.

O setor de saúde e bem-estar também vem recebendo atenção e investimento

consideráveis. O Brasil já ocupa lugar destaque em termos de inovação neste mercado. O

país já conta com mais de 250 startups na área, atraindo investimentos em torno dos USD

42 bilhões.

Segue abaixo algumas das mais importantes em seus respectivos nichos.

Finanças

– Mercado Bitcoin: o Mercado Bitcoin pertence ao Grupo 2TM. É a primeira startup

da América Latina a atingir o status de “unicórnio”, ou seja, a ultrapassar USD 1

bilhão em valor de mercado. O feito foi graças ao aporte de USD 200 milhões, vindo

da japonesa SoftBank.

– Cloudwalk: A fintech paulistana cruzou a barreira do bilhão recentemente, com o

aporte de USD 150 milhões vindo da Coatue e outras empresas. A empresa está no

mercado desde 2013, criando soluções para pagamentos online.


imagem: Canva.com

eCommerce

? MadeiraMadeira: A empresa, criada pelos irmãos Marcelo e Daniel Scandian,

também recebeu gigantesco aporte da SoftBank e da Dynamo. MadeiraMadeira, que

foca na venda de artigos para o lar, como móveis, recebeu USD 190 milhões em

aportes, no início do ano passado.

? Hotmart: A Hotmart oferece uma das maiores plataformas de ensino à distância no

país. Em março do ano passado, recebeu R$735 milhões de empresas como Alkeon

Capital e TCV. A plataforma oferece diversos conteúdos digitais, como videoaulas e

e-books.

Saúde e Bem-Estar

? Dr. Consulta: A Dr. Consulta conecta uma rede de centros médicos e clínicas

populares. Este sistema possibilita usuários a pagar valores mais acessíveis por

exames e consultas. A empresa já vale mais de USD 3 bilhões na bolsa de valores.

? iClinic: aqui está outra startup brasileira apoiada pelo SoftBank. O iClinic é

destinado à organização do histórico dos pacientes, bem como seu armazenamento

na nuvem. Tal serviço permite o pronto acesso e a rápida atualização sobre cada

paciente. O valor do aporte não foi divulgado, mas os serviços da empresa já

atingem 20 países.

Criando Novos Unicórnios


imagem: Canva.com

A lista de unicórnios brasileiros cresce a cada ano. Ano passado, foram dez novas

empresas a atingir este status. A mente inventiva de nossos empreendedores, aliada aos

apoios robustos de multinacionais, garantem que mais unicórnios não devem tardar a

nascer.

[ad_2]

Fonte: Revistabemestar

Redação Revista Bem Estar

Adicionar comentário

Clique aqui para publicar um comentário

Nossa equipe de suporte ao cliente está aqui para responder às suas perguntas. Informe se quer enviar pautas.